terça-feira, 25 de outubro de 2011

homens não têm medos

Homens não têm medos! Jogam todos fora, junto com outras coisas.
O retrato, o tato, a mensagem, a viagem, o perdão, as palavras que
seriam ditas, as benditas ou malditas lembranças...tudo vai para o lixo,
ao menos na imaginação.
Homens não têm medos! Lágrimas, noites, incertezas, carências são
engolidas, na mais abjeta ficção.
Homens não têm medos! Precisam demonstrar segurança, arrotar
convicção, aparentar o que, muitas vezes, não são.
Homens não têm medos! São audazes, destemidos, guerreiros
escondidos, com medo do não.

6 comentários:

  1. É Poeta... Você foi certeiro nas colocações!
    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  2. Perfeito! Homens com o lado feminino bem trabalhado tem sensibilidade e assumem o choro ,mágoas e medos. Adorei! Montão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  3. Tua "expressão poética" é que sublima a metáfora da alma. Esta não precisa nem de lavagem nem de autópsia quando as palavras conseguem penetrar no fundo, e, te fazem como eu gosto...

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  4. O medo nos fecha janelas, mas pode nos abrir portas nas medida em que as vertentes das reações a ele se concretizam...
    Mas o pior dos medos é o medo de não poder sentir medo...
    Beijokas.

    ResponderExcluir
  5. "Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima..." É o que tem pra hoje; um cadim de poeira e um mundo de possibilidades."

    Bom Final de Semana!
    Beijos Doces Com uma pitadinha de Sal! :p

    ResponderExcluir
  6. Oi Maia ( posso te chamar assim?),

    Gostei muito da verdade em tuas palavras.
    Gostei da tua poesia.

    Beijo meu

    ResponderExcluir