quinta-feira, 26 de julho de 2012

Se é

Que venha aos meus a seda de seus lábios
Que eles cedam aos seus a senha dos beijos sábios
Inebriado com o tato, o rosto e todo o resto ficam sedados
Um vagalume acende o caminho
que apaga a distância...
Se é que estamos separados

2 comentários:

  1. Laços que não prendem, que aprendem a dar os próprios passos, mesmo sendo laços.

    ResponderExcluir