segunda-feira, 21 de maio de 2012

reinvenção


É engraçado, nos meus sonhos não há tempo. Tudo simplesmente acontece ou desacontece. Aliás, os desacontecimentos são imprescindíveis. O que desacontece abre espaço para o novo, convida-o para a festa. E não se trata de enfadonha troca de guardas. É a fresta para a renovação, para o inusitado. Meu tempo está interditado para a repetição. As coisas mudam e a vida não é muda. Ela fala, até quando se cala. E tudo vem a calhar.
Gosto de estacionamentos e ruas quase vazios. Gosto de momentos vadios. Posso povoá-los com minha imaginação, há espaço para que ela (a imaginação)deite e role sem censura e sem pudor.
Dizem que Deus escreve o certo por linhas tortas. Eu, que gosto tanto das curvas, leio e creio no poder da palavra grávida de luz, desvirginada pela liberdade.
O pássaro rasga o silêncio da manhã com seu canto, nem alegre nem triste, só para me lembrar que a manhã, a alegria e a tristeza existem e insistem para que eu saia do meu canto e cante também. Amém !
Houve um tempo em que eu pensava que a vida me segurava, que ela me assegurava que o vento ventaria, que a chuva choveria, que o amor me amaria, fosse como fosse. E eu fui!
As árvores que plantei no meu jardim balançam na contramão do vento, só para brincar com ele, para que ele se reinvente. Devo fazer o mesmo!

6 comentários:

  1. Atemporal, com os bons livros e as memórias de tardes vazias de tão cheias de emoção ! Reinventar...dá um trabalho danado, mas pretendo tentar! Beijos

    ResponderExcluir
  2. Tente e, mais ainda, atente, Alice! Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi Helcio
    dentro de mim há sempre uma pessoa inquieta que nao tem tempo para os sonhos.Eles vem e eu descarto rs
    estou sempre a me proteger deixando que os sonhos se desfaçam como as nuvens, a cada manhã.
    Não os prendo a mim ,penso que nao me quero bem, preciso amar-me mais rs
    Voar um pouco, permirtir-me mais.
    "Se Deus escreve certo por linhas tortas" - há esperança.rs
    abraços /boa noite

    ResponderExcluir
  4. Não descarte, lis. Há arte nos sonhos, a arte de acreditar e, se for preciso, de editar o que deve ser suprimido, para que o próprio sonho (e o sonhador) não fique oprimido.
    Abraços.
    Bom dia!!

    ResponderExcluir
  5. A reinvenção da vida é necessária...
    Afinal do que vale a vida se não for para vivermos em plenitude?
    Abraços com o meu carinho para cada dia de seu viver!

    ResponderExcluir
  6. Recebidos e retribuídos, Tatiana.

    ResponderExcluir