terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Colateral

Não quer se apaixonar?
Então, é simples...
Fuja das noites enluaradas,
de conversa inteligente...
Finja que não sente
o olhar embaraçado com desejo
Disfarce com algum gracejo...
e tente seguir adiante


Se preferir tratamento de choque,
é infalível: evite gente
Se não funcionar
e isso for alarmante,
acione o alarme
Mas nada de charme!
Chame um taxi...
e tente seguir adiante

Se não der mais que um passo,
não perca a calma
Existe um remédio chamado alma,
que deve estar sempre à mão
Se não sentir seus pés no chão,
é apenas um efeito colateral
Tolere, pois não faz mal
Pode seguir adiante

5 comentários:

  1. Muito bom mesmo!
    E eu quero sempre estar apaixonada, nem que seja por uma música, uma dança, um livro, um personagem, um autor...

    ResponderExcluir
  2. Essa é a paixão plural...portanto, indicativa de vida!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir