segunda-feira, 28 de junho de 2010

lua cheia

Nesta vida (e,creio, em nenhuma outra), 
não há lugar para meias verdades, 
para sentimentos pela metade, olhares fracionados, 
intenções despedaçadas, amores em pedaços.
Se a Lua é crescente, se sentamos no meio-fio, se calçamos a meia, 

até mesmo se damos meia volta, ainda assim, é porque estamos inteiros,
íntegros, completamente fascinados pelo encanto da existência,

por todos os lados, poros, aos pares.
De janeiro a dezembro,
mais uma vez, eu te lembro,
o convite à vida!!

30 comentários:

  1. Se estamos vivos, então não iremos apenas existir... e sim, viver na plenitude!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. A Lua é a mesma apesar de suas fases, brilhante e meia, depois das voltas ..é lua, sempre lua.
    Beijos crescentes, minguantes, novos e cheios rsrsrs

    ResponderExcluir
  3. Mas por que tanta gente ainda vive pela metade? Pelo prazer de poder continuar reclamando da vida? Não entendo.

    Eu poderia dizer que teu poema é lindo. Mas tuas palavras carregam muito mais do que beleza, Helcio.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Beijos a todas (Renata, Bruxa, Pat), assim, coletivamente, compartilhando calor, afeto e anseio de viver, plenamente.

    ResponderExcluir
  5. Concordo com a Renata, muito mais do que beleza! E os últimos 3 versos dão um susto muito bom, de arrepiar!

    Mais beijo!

    Me conta em segredo: Onde você guarda tanto beijo?! rssssss :)))

    ResponderExcluir
  6. Precisamos ficar inteiros, cheios como a lua cheia que é só brilho, energia e mistério, assim como a vida pode ser. bjus

    ResponderExcluir
  7. Nem fale amigo,como tem influência sobre nós. Nessa virada de lua nasceu a Julia.Hoje as 7h da manhã. Filha do dono da imobiliária em que trabalho. Viva a vida! Montão de bjs e abraços
    Fiz um poema e um blog pra ela,só faltam as fotos http://juliaestrelinha.blogspot.com/ amanhã já colocarei

    ResponderExcluir
  8. Oi Hélcio, que sejamos sempre inteiros e verdadeiros, dia após dia de Dezembro a Janeiro.
    Linda poesia, beijos em sua alma!

    ResponderExcluir
  9. HELCIO

    passaram dos 500
    amigos são assim
    Vêm para mim
    e eu recebo-os
    com selinho.
    um beijinho para ti

    ResponderExcluir
  10. "Se a Lua é crescente, se sentamos no meio-fio, se calçamos a meia,
    até mesmo se damos meia volta, ainda assim, é porque estamos inteiros,
    íntegros, completamente fascinados pelo encanto da existência,
    por todos os lados, poros, aos pares."

    Me encantei com a tua poesia. Incrível como vai longe na reflexão, na escrita.

    Estou seguindo e obrigada pelo comentário no meu blog.

    ResponderExcluir
  11. Que belo convite à vida!
    Um beijo "inteiro" porque também não gosto de nada pela metade. ;D

    ResponderExcluir
  12. "Que o sussurrar do vento te leve um beijo carinhoso e eterno e me deixe em seus pensamentos para que a distância não apague em ti minha existência."

    (Autor desconhecido)


    Beijos & Flores........M@ria

    ResponderExcluir
  13. Ahhhhh, adoro lua cheia, é tão perfeita..... ficar a admirando nos dá uma imensa vontade de viver.....
    Boa semana, beijos.

    ResponderExcluir
  14. Beijos com aroma de felicidade, Maria.

    ResponderExcluir
  15. Flávia, obrigado pelo carinho. Bj.

    ResponderExcluir
  16. Beijo mais que inteiro pra vc, Humana.

    ResponderExcluir
  17. Viva a vida, Elaine!!
    Bjs e abraços.

    ResponderExcluir
  18. OutrosEncantos, guardo-os nas palavras que dedico a vcs.

    ResponderExcluir
  19. Sentir é o despertar para...
    Pensar é trazer para si o...
    Escrever é emoldurar a...
    E viver é...
    Tirar o quadro empoeirado da parede...
    E...

    Beijo...inspirado poeta...

    ResponderExcluir
  20. "...Mas onde se deve procurar a liberdade é nos sentimentos. Esses é que são a essência viva da alma."

    ResponderExcluir
  21. Oi Helcio, obrigada pelas visitas!
    Passarei por aqui para ler seus poemas!
    Um abraço!

    (quero que a minha lua vire o mais rápido possível...estou muito ansiosa)

    ResponderExcluir
  22. Que seja Lua Nova, então, que lhe traga serenidade para deixar o tempo fluir, no ritmo do seu coração, Atitude.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  23. Ainda não li nenhum post seu que não fosse, de alguma maneira, um convite à vida, uma ode ao amor, um recado de esperança...
    Esse é explícito... temos que nos lançar à vida inteiros, íntegros, sem rede de segurança...
    Beijos.

    ResponderExcluir
  24. Lua, dificilmente, escreverei algo que não seja vida, amor, esperança...explicita ou implicitamente.
    Beijos.

    ResponderExcluir